QUER RECEBER NOSSAS NOTÍCIAS EXCLUSIVAS?

-->

“Estude a si mesmo, observando que o autoconhecimento traz humildade e sem humildade é impossível ser feliz.” André Luiz

Perdoar faz bem também para o corpo.

Enviado em 11 de fevereiro de 2016 | No programa: Entre Amigos | Escrito por Equipe Entre Amigos | Publicado por Mariana Fridman

amigos

Amizade Fonte: Unsplash.com

Praticar o perdão é um ato que exige muito de quem o pratica. “Absolver” de coração aquele que nos fez algum mal é uma tarefa, muitas vezes, bem árdua. Se temos o dever moral de praticar esse ato e assim,conseguir o conforto espiritual , cientistas nos últimos tempos tem nos dado ainda mais motivos para tal, com benefícios que vão além do bem-estar psíquico, mas também físico.

Em pesquisa realizada pela Universidade de St. Andrews[1], na Escócia, foi descoberto que perdoar alguém torna muito mais fácil esquecer a experiência ruim e dolorosa causada por aquela pessoa em questão. De acordo com psicólogos responsáveis pelos estudos, foi concluído que as vítimas de algum tipo de dor e que perdoam seus algozes têm mais chances de esquecer os detalhes do episódio de ofensa.

No cérebro, as habilidades de esquecer coisas ruins que lhe foram feitas e de perdoar aquele que o fez, estão ligadas. Logo, os participantes da pesquisa que esqueceram a lembrança dolorosa foi aqueles que disseram que perdoariam tais atos.

Outros estudos também mostram que o ato de perdoar melhora o sistema imunológico, pois evitar a raiva ajuda a prevenir contra a pressão alta. Além de ter sido descoberto que o autoperdão também tem grandes benefícios, pois a culpa e a incapacidade de perdoar a si mesmo estão ligados a depressão, ansiedade e contração de doenças.

Então, assim como no Evangelho Segundo o Espiritismo, no capítulo X, Bem-Aventurados aqueles que são misericordiosos- Perdão das Ofensas, os espíritos nos instrui: 15.”Perdoar aos inimigos é pedir perdão para si mesmo; perdoar aos amigos é dar prova de amizade; perdoar as ofensas é mostrar que se melhora”, vamos fazer bem ao nosso espírito e corpo, além de aliviar o mau ato daquele que nos ocasionou dor.

 

[1] Dados retirados da matéria publicada pela Revista Galileu. Disponível em http://revistagalileu.globo.com/Ciencia/Psicologia/noticia/2014/05/perdoar-ajuda-esquecer-experiencias-ruins.html

Você gostou deste conteúdo?

Todo o conteúdo produzido pela Fundação Espírita André Luiz é aberto e gratuito e, com a sua ajuda, sempre será.

Ao todo são transmitidas 180 horas mensais de programas ao vivo e 240 horas mensais de programas inéditos através de nossos canais de comunicação: Rádio Boa Nova, Tv Mundo Maior e Portal do Espírito. Nós acreditamos que o acesso aos ensinamentos da doutrina espírita muda o mundo, mas manter uma estrutura deste porte é muito caro, por isso a importância do apoio de nossos leitores.

Quando você apoia iniciativas como a nossa, você faz com que pessoas que não podem pagar pela informação continuem tendo acesso a ela.

Ajude o espiritismo a alcançar mais pessoas

Apoie essa causa <3

Deixe seu comentário:

WhatsApp